Marcelo Birck

 

Na carreira solo, Birck vai fundo na interação entre o pop dos anos 60 e investigações sonoras. Seu segundo CD (patrocinado pela Petrobrás), mantém as principais influências: Jovem Guarda, Surf Music, Beatles, brega setentista, e vanguardas dos séc. XX e XXI, sempre radicalizando os recursos oferecidos pelos meios computadorizados. O resultado é um móbile de procedimentos. Vanguarda (pesquisa) e Jovem Guarda (comunicação direta) geram um mosaico sonoro através da fricção de musicalidades e pela descontextualização de elementos familiares. Um remix de tendências. Formação e informalidade. Simultaneidades, letras com semântica absurda, mas com momentos pra cantar o amor.

Os Atonais



Surgida no intervalo entre o final da Aristóteles de Ananias Jr. e o começo da carreira solo de Birck, Os Atonais foi a retomada da parceria com Leandro Blessmann, compositor presente também em CDs da Graforréia Xilarmônica. Com base principalmente na Jovem Guarda, a banda gravou um CD-R no ano de 99, trazendo composições de Birck e Blessmann, ambos nas guitarras e vocais. Thomas Dreher (bateria) e Felipe Petry completam a formação. Em algumas faixas do CD, Alexandre Birck aparece como baterista convidado. Produzido pelos próprios Atonais, o CD foi lançado em 2000, procurando adicionar timbres atuais à estética jovem-guardista do grupo.

Aristóteles de Ananias Jr.

 

Com o recesso da Graforréia Xilarmônica, em 91, Birck decide radicalizar na pesquisa de sonoridades, cujo resultado pode ser conferido na demo-tape (1993) e no CD (1996) da banda Aristóteles de Ananias Jr. Na proposta do grupo, o rock dos anos 60 funciona como uma base sobre a qual são adicionadas outras referências, tais como contraponto, texturas atonais e ruídos. Recursos como descontinuidades, desconstrução, politexturas e improvisos (com espaço mesmo para soluções obtidas ao acaso) também são utilizadas, além de fazer uso de outras matrizes pop e eventualmente regionalismos.

Graforréia Xilarmônica

 
 

Com 4 CDs gravados, a banda foi pioneira na revalorização da Jovem Guarda, estilo que na proposta do grupo foi acrescido de experiências sonoras vanguardistas. Birck participa da demo-tape “Com Amor Muito Carinho”, como guitarrista, cantor e compositor. Após sua saída, a banda continuou a executar várias de suas composições, algumas delas registradas nos 3 CDs seguintes: Coisa de Louco II (1995), Chapinhas de Ouro (1998) e Ao Vivo (2007). Mais informações podem ser obtidas no site da banda: http://graforreiaxilarmonica.com.br


Carregando album

Para entrevistas, compra de CD e agendamento de shows acesse os contatos ou envie email para eletrolas@gmail.com.